Rede de ONGs propõe teto de emissões para o Brasil

Uma rede de 35 organizações não governamentais reunidas no Observatório do Clima propôs ao governo que as emissões brasileiras não ultrapassem o teto de 1 gigatonelada (Gt) de CO2 equivalente em 2030. Isso é pouco menos do que as emissões de gases-estufa brasileiras de 2010, que foram de 1,2 Gt de CO2. Esse limite, segundo as ONGs, seria a contribuição brasileira para que se consiga conter o aquecimento a 2°C neste século.

A sugestão foi proposta ao Ministério das Relações Exteriores, na consulta nacional feita pelo Itamaraty para entender que tipo de acordo climático internacional a sociedade brasileira deseja. O ministério lançou a consulta pública em junho, em seu site, página do Facebook e Twitter

. O questionário tinha oito perguntas de múltipla escolha para que as pessoas dissessem, por exemplo, se o Brasil deve fazer cortes mais ambiciosos para reduzir a emissão de gases-estufa. O prazo dessa fase da consulta terminou há poucos dias.

MenosCO2PorFavor 23 de maio

O teto proposto pelo Observatório do Clima é resultado da análise dos relatórios do Painel Intergovernamental de Mudança do Clima (IPCC), da ONU, e de outros estudos do gênero. “Todos os principais países emissores de gases de efeito estufa terão que efetivar reduções substantivas em suas emissões no período pós-2020″, lembra a nota das ONGs. “É muito importante que se comece a debater com profundidade qual será a meta brasileira e que esse debate seja feito agora”, diz Carlos Rittl, secretário-executivo do Observatório.

Em 2050, a população mundial deve ser de 9,5 bilhões de habitantes e as emissões globais de gases de efeito-estufa máximas devem ser de 20 Gt de CO2 eq., lembra Rittl. “Primeiro olhamos para o cenário em 2050, analisamos as contas das emissões per capita, fizemos simulações e chegamos a alguns números”, explica. “Todos os países têm que colocar a ambição necessária na mesa para que fiquemos dentro da trajetória de dois graus de aumento de temperatura e não mais”, continua. “Lançamos uma referência para que o Brasil coloque sua meta na mesa.

Queremos estimular esse debate, dentro de valores que sejam apropriados para o país, na medida de sua capacidade e responsabilidade.” Em 2050, o esforço brasileiro de redução de emissões terá que ser ainda maior, dizem os ambientalistas.

O IBGE estima que o Brasil tenha população de 223 milhões de habitantes em 2050. “As emissões brasileiras de gases-estufa não poderão exceder 0,5 Gt de CO2 equivalente”, diz a proposta do Observatório do Clima.

 

VALOR

O mal do Agronegócio

O movimento tem como alvo esclarecer para a sociedade o mal que o agronegócio e a troca de favores dentro da política brasileira está causando ao Brasil no aspecto social, econômico e ambiental.
Ver mais...

Ajude a proteger o Brasil

Se inscreva na newslatter do #NãoVoteEmRuralistavocê e você terá a chance de se unir a este movimento e a milhares de pessoas que aderiram à campanha em busca de um país mais justo e menos vulnerável às mudanças climáticas.
Participar!

Mapa global da 350

Confira campanhas, eventos e grupos locais em todos os lugares no mapa global do 350!
Ver mapa